Rapidinha no carro

Oi gente, voltei! Hoje vou contar minha aventura com um amigo.
Eu havia ficado com o Breno em algumas festas da faculdade e havia chupado ele em um churrasco que nos encontramos.
Minhas amigas me avisaram estariam no barzinho da faculdade e que me esperavam lá. Como estava trocando mensagens com ele, sabia que ele também estaria lá. Quando saí da aula e cheguei ao bar, o vi conversando com uma garota que não gosto (e já havia visto bêbada implorando beijos a ele). Não o cumprimentei, fiquei com na rodinha com meus amigos e pela raiva da cena, bebi rápido demais, resultado: em pouco tempo fiquei alegrinha, foi quando ele veio falar comigo.
– Vamos que eu te levo
– Não precisa! Um dos meninos me dá carona
– Melissa, fica quieta e vamos!
Eu sou muito independente, mas esse jeito dominador dele, me deixa louca.
Me despedi e fomos em direção ao carro, sem falarmos uma palavra. Entramos e ele nem se quer ligou o carro. Continuei quieta, mas abri a bolsa e resolvi pegar meu celular. Ele pegou o celular da minha mão e jogou no banco de trás
O xinguei e fui na busca do meu celular, ele pulou para o banco de trás logo em seguida. Eu estava reclamando o quanto ele era idiota, quando ele me beijou, novamente ele pegou meu celular, só que desta vez o jogou no banco da frente.
Nos beijamos com raiva, chegava a ser rude. Ele já puxava meu cabelo pela nuca e beijava meu pescoço. Tirei a camisa dele e ajoelhei no espaço dos dois bancos da frente. Ele abriu um sorriso, pois modéstia à parte, sou boa na arte de mamar. Ele me ajudou a abrir o cinto e o zíper da bermuda que ele estava. Aquele pau já estava duro na cueca preta, dei um beijo por cima do pano e ouvi ele me pedir:
– Me chupa, sua piranha
E eu obedientemente passei minha língua por todo pau e engoli com vontade. Os gemidos dele, só me deixava com mais tesão.
Ele arrancou minha blusa com sutiã e tudo, e apertava meus peitos conforme eu o chupava. Ele me segurou pelos braços e me fez levantar, sem cerimônia tirei meu shorts e virei de costas.
Ganhei uma mordida na bunda e mesmo de calcinha comecei a rebolar no pau dele, quando ouvimos o barulho de alguém batendo no carro. Havíamos esquecido de que o carro estava estacionando na rua da faculdade e diversas pessoas passavam ali, para nossa sorte era um bêbado procurando um lugar para fazer xixi. Ele pediu para não fazermos movimentos bruscos para o bêbado não perceber e assim fiz. Coloquei minha calcinha para o lado e fui sentando lentamente, ele mordia minha orelha e me xingava baixinho.
Quando percebi que o cara havia saído, comecei a quicar com força e estava tão molhada que escorregava aquele pau inteiro para dentro de mim. As suas mãos seguravam meus peitos e começou a bombar fortemente de baixo pra cima, senti suas bolas quase me rasgando e ele me preenchendo com sua porra quente.
Sai de cima dele e sentei encostava na porta e comecei a siriricar, pois também merecia gozar. Ele sentado, ficou admirado com a cena e resolveu me ajudar, ele enfiava dois dedos fundo enquanto eu siriricava meu grelo. Gozei forte nos dedos dele e os chupei pra sentir meu gostinho. Quando olhei ele já estava de pau duro de novo. Fiquei de quatro no banco e comecei a chupa-lo. Ele me apertava e segurava meu cabelo, enquanto eu chupava a cabeça do pau dele,o punhetava. Senti o pau dele vibrar e engoli tudo aquilo que podia e senti os jatos de leitinho em minha garganta, engoli tudo e beijei a cabeça do pau dele.
Nos vestimos em silêncio e ele me deixou em casa sem falarmos nada. Essa foi a nossa primeira de muitas transas, se gostarem conto as outras.
Beijos da Mel

One Comment

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. .



"contos eróticos exibicionismo""contos eroticos travestis""xandão adulto""conto erotico de incesto""patroa safada""transei com a minha tia""contos eróticos 2018""contos de troca de casais""rabisco eróticos""contos de sexo oral""contos eroticos com sogra""conto erótico corno""contos eroticos fotos""gozando dentro da tia""conto erotico baba""casadas na suruba""contos eróticos ilustrados""contos eroticos incesto 2017""contos eroticos net""conto erotico lesbica""contos eróticos relacionamento""cunhada safada""zoofilia real""contos erotocos""contos de incesto 2017""so incesto""contos eróticos categorias""corno conto""contos eróticos corno""ultimos contos eroticos""siririca no trabalho""contos gay últimos""contos eroticos grupal""contos eroticos net""contos porno cnn""conto porno maes 2017""contos eróticos exibicionismo""contos eróticos coroas""conto erotico sobrinha""contos eroticos verdadeiros""conto erotic""contos eroticos incesto""contos eróticosincesto""contos insesto""conto erótico com foto""visinha safada""contos eroticos massagista""contos eroticoa""incesto 3""contos eroticos vizinha""contos crossdress""contos eróticos safados""comendo minha filha""contos erotocos""conto erotico escola""corno domado""comendo minha sogra""contos eroticos pedreiro""conto erótico no ônibus""contos eroticos gang bang""top contos eroticos""contos eroticos esposa""contos eroticos sem calcinha""conto erotico traição""conto anal""contos de encoxada""contos sensuais""contos eroticos professora""contos eróticos corno""contos eroticos caminhoneiro""contos eróticos menina""contos eróticos de meninas""contos eroticos no carro""tias safadas""novas encoxadas""contos eroticos lactofilia""contos eroticos praia""contos eróticos ônibus""contos eroticos gravida""conto amador""conto erotico garotinha""sexlog entrar""incesto sexo""contos sexuais""gordas lesbicas""contos sexo anal""casada mamando"empregadinha"cachorro comendo novinha""contos eróticos de estrupo""comendo minha nora""xvideos mae do amigo""contos eroticos comendo a vizinha""contos erot""conto erotico enteada""evangelicas safadas""conto porno com foto""contos eróticos net"